Icone Menu

Desconstrução do plástico estimula mercado de 120 mil milhões

09-05-2019

As apostas não poderiam ser maiores para uma indústria sob ataque

Cerca de 60 empresas químicas apressam-se em desenvolver tecnologias que possam devolver resíduos aos seus ingredientes originais de hidrocarbonetos.

O processo - um tipo de desconstrução do plástico - cria uma resina virgem e limpa que pode ser usada em novos produtos, evitando a necessidade de bombear petróleo para novos lotes intermináveis.

 

As apostas não poderiam ser maiores para uma indústria sob ataque por produzir um material omnipresente, essencial para a vida moderna, que ganhou notoriedade por sufocar oceanos e matar os seus seres vivos.

 

Uma oportunidade de mercado de 120 mil milhões de dólares para materiais reciclados aguarda tecnologias de sucesso, segundo o relatório da Closed Loop.

 

"Não poderemos alcançar o objetivo a menos que possamos fazer algo que vá além dos tradicionais sistemas de reciclagem mecânica que temos hoje", afirmou Tim Dell, vice-presidente de inovação corporativa da Eastman Chemical.

 

A reciclagem de produtos químicos pode quadruplicar as taxas globais de reciclagem de plásticos para 50% até 2030, acima dos 12% atuais, segundo um relatório da consultoria McKinsey divulgado em dezembro.

 

A McKinsey estima que serão necessários até 20 mil milhões de dólares por ano para o aperfeiçoamento dos sistemas de recuperação de resíduos, cerca de um quinto do gasto médio de capital da indústria química.

 

Fonte: Jornal de Negócios

voltar ao topo

Ao subscrever a nossa newsletter, está a concordar com a Política de Privacidade.

zuka